14 de out de 2010

Cortina em crochê e mensagem: Você ainda tem liberdade para pensar?

Bom dia meninas !

Tudo certinho com vocês?

Comigo tudo ótimo ! e após todo esse tempo de afastamento, estou voltando com mais uma postagem para compartilhar um dos meus últimos trabalhos.

Na verdade, essa postagem é dupla, tanto para mostrar um trabalho tanto para expor meu pensamento.

Antes de tudo quero dizer que estou correndo a mil por hora. Estou tendo o semestre mais puxado desde que entrei na faculdade e estou também abrindo meu segundo espaço de massagem (afinal sou massoterapeuta, lembram?).

Não tenho feito muito crochê, na verdade tenho feito mais é resumos, textos, artigos... Hehehehe

Mas sempre que posso dedico um tempo a essa arte tão especial.

Ah, eu quero mandar também um SALVE pra todos os amigos visitantes, seguidores, comentarias, e apoiadores tão especiais que me visitam, me lêem, me comentam e enviam o seu carinho e a sua energia de uma forma muito legal: Muito obrigado !

Hoje quero mostrar a cortina em crochê, que fiz com 120 rosetas, barbante nº 3 e agulha para barbante tb nº 3.

Aqui uma foto da cortina na íntegra.





Aqui uma parte do trabalho que dá pra visualizar melhor as rosetas que fiz.



E aqui outra.



Mas como disse, não é só por isso que vim postar hoje, vim também por que precisava conversar um pouco.

Ontem assisti uma notícia que me deixou preocupado.

Provavelmente já comentei em alguma postagem, que não sou muito inclinado a politicagem, mas é impossível nesse período do ano conseguir fechar olhos e ouvidos pra todo movimento eleitoral que está acontecendo.

As vezes observo as pessoas brigando, se degladiando, e baixando o nível em função disso, e fico pasmo analizando como que pode um rebaixamento tão grande.

Analizo de canto, que a vida é mt mais que um partido político, é muito mais que uma campanha, é muito mais que um número.

Complementando meu pensamento, essa semana passei por uma experiência muito forte e que me fez apronfudar essa análize. Perdi um entre os meus amigos mais queridos de uma forma muito estúpida.

O André tinha 24 anos, e morreu em casa, devido a um infarto no miocárdio.
Ele sempre foi muito político, muito partidarista, muito militante.

E agora eu me levo a pensar sobre o que perpassou a perda? O que realmente ficou? O que valeu a pena?

E entendo que:

A gente tem que ter noção que os motivos pelos quais decidimos viver, tem que ser suficientemente importantes a ponto de também morrermos por eles.



Imagina se um militante, partidário, brigão pela causa, descobrisse que perdeu todo um lado bom da vida por se entregar a infinitas discussões, infinitas oposições?

Eu realmente não consigo ver mérito nisso. Pelo contrário, vejo as pessoas dedicando não somente seu nome, mas também sua saúde, sua família, seu vínculos de vida.

E o problema é que se a causa ainda fosse mais digna, mais séria.

Mas muitas vezes não é isso que vemos, pelo contrário, vemos uma vergonha sem fim instalada em nosso país. Esses mesmos militantes confusos sobre o tema de sua causa, hora defendem um partido, hora defendem um assunto, hora defendem uma outra pessoa. E nessa troca de rumo se perdem de sua essência.

Se não bastasse a comoção que a perda do André me trouxe, ontem eu vi uma notícia que me deixou angustiado.Vi a candidata Dilma Roussef tendo que assinar um documento, diante de uma liderança evangélica, que dizia que ela não iria assinar alguma lei que fosse a favor da legalização do aborto, ou do casamento homossexual.




ENTENDAM: não estou colocando meu pensamento sobre o candidato a presidência, nem sobre o aborto, nem sobre casamento homossexual.

O que me deixou indignado foi ela ter que voltar atrás no seu próprio pensamento devido a ignorância de algumas pessoas.

Ela nunca disse que era a favor do aborto, mas que era a favor de políticas públicas que o regulamentassem.
E isso vai muito além do nosso pensamento sobre o tema.



Por exemplo, eu posso ser radicalmente contra o cigarro, mas tenho que convir que os hospitais precisam atender os pacientes quando chegam com câncer no esôfago, ou nos pulmões, ou com alguma outra doença proveniente do uso do tabaco.
O fato de apoiar o tratamento a pessoas que usaram o cigarro, não quer dizer que eu apóie o cigarro.

O aborto é da mesma forma.

Particularmente eu sou radicalmente contra, e pelo contrário, sou a favor da vida sempre.
Mas isso não vai diminuir o número de mulheres que morrem em clínicas clandestinas no nosso país.

E tento entender como que vou ser punido por pensar assim? Será que vou ser obrigado a voltar no meu pensamento por causa do pensamento alheio?

Eu realmente não consigo entender isso ! Nós não vivemos mais uma democracia?

A ditadura que emails vivem falando que vai acontecer quando Dilma ganhar, na verdade já está acontecendo, quando um cidadão brasileiro é impedido de pensar livremente.



Eu realmente lamento essa situação, lamento por ela, lamento pelas pessoas que a fizeram tomar essa atitude.

E realmente desejo que possamos ter liberdade com nós mesmos.

Aqui fica minha mensagem, desejando que você se desperte para a sua verdade, para quem você é na íntegra.



Que você possa viver sua individualidade, sua diversidade. E tudo isso com paz, com respeito, com amor.

Lembre sempre: a vida é única, por isso faça valer a pena cada minuto !

Um beijo no coração e até a próxima !

Cauê Santos

16 comentários:

Cida Lopes disse...

Que bom lindíssimo saber que você esta bem e conquistando suas vitórias,sabemos que é cansativo,mas é gratificante.Sábia as suas palavras como sempre, últimamente os valores estão se deteriorando, ser digno e ter caráter esta fora de moda o que é uma pena!
Amei a sua cortina ficou maravilhosa.Beijos no coração menino.

Joana disse...

Com uma cortina dessas com tantas rosetas e sem tempo para crochê, imagine se tivesse mais!! Linda peça, trabalhosa mas o resultado compensou. Quanto as tuas palavras sou por essa linha de pensamento, concordo com o que você escreveu. Nisso tudo só me ocorre uma coisa. Que na política vale tudo, até negar assinando o que tinha dito antes.Vende-se a alma pelo poder. Não é mais nem uma vergonha, é uma nojeira. Daqui para frente só Deus mesmo para nos defender, tanto de um lado quanto do outro. Amém.

Esther Almeida disse...

Primeiramnete linda cortina; sou sua fã.
Sabe sou evangélica, partidária, mas não concordo com a atitude daqueles que obrigaram Dilma a tomar tal atitute, por conhecer imuneros casos de estupros e incestos. Este último principalmente pai que covardemente obriga filhas ainda crianças a tal ato. Quem trabalha em hospitais acaba sofrendo junto da dor alheia e sabe que certas situações se tivessemos lei que nos apaiasse devidamente seriamos um país melhor.
Cada vez mais sou sua fã. Bjus

Jorge Chan M disse...

Hola, que gusto que estes de vuelta, precioso la cortina, y apoyo tus pensamientos, todos tienen derecho a una liberta, con gente ignorante, nuestros paises nunca van a progresar, hechale ganas al estudio, y recibe un abrazo muy fuerte desde Veracruz, Mexico, saludos, bye.

Cheiro Doce disse...

É a primeira vez que entro aqui e fiquei arrepiada em lê-lo. Apóio totalmente seus pensamentos! Precisamos nos expressar mais, para que um dia nossas palavras se transformem em ações e um dia, que ainda tenho esperança, nosso país possa mudar. Mas precisamos mudar a cultura, a forma de pensar e agir. Hoje, muitos pensam mais no seu próprio umbigo do que fazer algo bom por alguém. Isso faz parte da nossa cultura e é isso que precisamos mudar. Só assim a liberdade de pensar e se expressar valerá algo.
Adorei seu trabalho!

Káthia Marchand disse...

Oie Cauê!
Bah tchê!
Seja benvindo de volta sempre!!!!


Agora que já dei aquela pitadinha de brincadeira, vamos falar a sério.
Eu nem gosto de política, mas, sou obrigada a conviver com isto, porque alguém governa a minha situação financeira e criam regras, então... é preciso conviver.

Eu não sou a favor do aborto, mas, entendo que existam casos que impossível não fazê-lo, se assim a vítima o desejar.
Não posso condenar alguém por não querer gerar uma vida que não queria fazer por livre e espontânea vontade.

A vida é importante, o bebê não tem culpa disso, mas, o ser humano pode conviver com culpas, crimes e já que é hipócrita o suficiente para ver as crianças na rua sofrendo, marginalizadas, e ninguém resolve isso.
Acaso também não estão lhes negando a vida com descência?

Estaria mais certa a mulher ter o filho que não quer, e jogá-lo num orfanato, a própria sorte????

Portanto, é aceitável que eu respeite o "querer" do outro!

A Dilma não deveria ter assinado coisa alguma!
A Bíblia é clara:
- Palavra do cristão sim sim ou não não!
Se ela tem um pensamento que seguisse até o final.

O Senhor veio a terra e a maioria não o aceitou, portanto, não posso mudar os outros, mas, posso fazer a diferença se eu me respeitar.

Os evangélicos podem fazer a diferença, mas não podem impor!

Qto ao homossexuais, não posso condená-los. Tenho amigos e amigas gays.
Como fazê-los entender que o certo é assim ou assado, na marra?

Somente aceitando-os, convivendo com eles e a cada dia colocando dentro do coração deles a Palavra do Senhor.
Quem os mudará é o Senhor!
Farei apenas o trabalho do plantio da semente.

Posso fortalecer suas bases, não posso interferir, porque nem mesmo Deus o faz.
Temos o livre arbítrio!
Concordo com vc em tudo amigo, mas, as pessoas precisam entender mais de liberdade antes de praticar legalidades!

A cortina é um espetáculo a parte, vc sabe que é bom!

Dá-lhe gaúcho. Grande beijo amigo!

Káthia Marchand disse...

Oie Cauê!
Bah tchê!
Seja benvindo de volta sempre!!!!


Agora que já dei aquela pitadinha de brincadeira, vamos falar a sério.
Eu nem gosto de política, mas, sou obrigada a conviver com isto, porque alguém governa a minha situação financeira e criam regras, então... é preciso conviver.

Eu não sou a favor do aborto, mas, entendo que existam casos que impossível não fazê-lo, se assim a vítima o desejar.
Não posso condenar alguém por não querer gerar uma vida que não queria fazer por livre e espontânea vontade.

A vida é importante, o bebê não tem culpa disso, mas, o ser humano pode conviver com culpas, crimes e já que é hipócrita o suficiente para ver as crianças na rua sofrendo, marginalizadas, e ninguém resolve isso.
Acaso também não estão lhes negando a vida com descência?

Estaria mais certa a mulher ter o filho que não quer, e jogá-lo num orfanato, a própria sorte????

Portanto, é aceitável que eu respeite o "querer" do outro!

A Dilma não deveria ter assinado coisa alguma!
A Bíblia é clara:
- Palavra do cristão sim sim ou não não!
Se ela tem um pensamento que seguisse até o final.

O Senhor veio a terra e a maioria não o aceitou, portanto, não posso mudar os outros, mas, posso fazer a diferença se eu me respeitar.

Os evangélicos podem fazer a diferença, mas não podem impor!

Qto ao homossexuais, não posso condená-los. Tenho amigos e amigas gays.
Como fazê-los entender que o certo é assim ou assado, na marra?

Somente aceitando-os, convivendo com eles e a cada dia colocando dentro do coração deles a Palavra do Senhor.
Quem os mudará é o Senhor!
Farei apenas o trabalho do plantio da semente.

Posso fortalecer suas bases, não posso interferir, porque nem mesmo Deus o faz.
Temos o livre arbítrio!
Concordo com vc em tudo amigo, mas, as pessoas precisam entender mais de liberdade antes de praticar legalidades!

A cortina é um espetáculo a parte, vc sabe que é bom!

Dá-lhe gaúcho. Grande beijo amigo!

Suely Criações Artesanais disse...

Oi meu amigo:
Muito bom ter você de volta,e com esta reflexão tão oportuna.
Quanto ao seu amigo,não sei muito o que dizer,ele viveu e pelo visto acreditou muito em tudo que defendia,que Deus conforte todos que o amavam,ou,amam...
Sua cortina impecavel!
E triste que ainda consigam,em nome do poder ,do ter, manipular pessoas e que tenhamos que assistir a estes fatos lamentáveis transmitidos em rede Nacinal,realmente lamentavel!
Penso em Deus que nos fez a sua imagem e semelhança, como se não bastasse mandou seu Filho ,nos permitiu conviver com o humano e Divino fez e faz tudo por amor e misericordia a nós que as vezes preferimos o descartável da vida,o ter parece valer mais que o SER
de Deus que ainda habita em nós!
Um abraço e desculpe o desabafo é o preço por ficar tanto tempo afastado,rsrsrs brincadeira,entendo bem esta fase de Faculdade minha filha se formou em agosto,então....
Fique com Deus sempre:
Suely

15 de outubro de 2010

Claudia disse...

Oieeee Caue meu mais novo amigo blogueiro
Menino...mas que cortina é essa?
Valha me Deus...que coisa mais fofinha
Adoreiiiii
Lindaaaa demais
´quanto ao seu texto concordo em gênero numero e grau
Estamos voltando aos primórdios
Ao invés de apresentar propostas,eles discutem religião...
Aborto se é crime,se é aceitável,apareceram até na missa no dia de Nossa Senhora!?!?
Que mundo nós vivemos...
Quem nunca sequer apareceu na missa hoje é católico fervoroso,como se o que interessasse no governo é a opção religiosa

Mariah disse...

Olá Cauê! estava com saudades das suas sábias palavras como sempre bem colocadas,a cortina ficou linda e você todo modesto em dizer que não tem tempo!imagina só se tivesse,beijos meu querido,fica com Deus,Mariah.

LILIANE disse...

Cauê
prazer imenso conhecer você.
Lamento a morte do seu amigo. Lamento mesmo.
é dificil esses momentos, né
concordo com tudo o que disse.
voce até me ajudou a construir o meu pensamento.
me deu mais argumento.
e a cortina, linda.
peninha que eu não sei fazer ainda.
beijo querido

Maria Lúcia disse...

Oi
Que bom ver você
O crochê está lindão.
E a politica devia
ser uma cooperativa
onde todos tivéssemos
que trabalhar juntos.
Com deveres e obrigações.
Você me fez lembrar
de que Jesus disse
amo o pecador mais
não o seu pecado.
Quando falou em cuidar
de que é fumante.
Beijos...
Lúcia

Suely Criações Artesanais disse...

Oi Cauê:
Passando também por aqui para desejar mais uma vez um Feliz Aniversário,com muitas bençãos!
Parabéns amigo!
Um abraço;
Suely

Prof. Jorge Brum disse...

Querido Cauê, compactuo da tua linha de pensamento e também não consigo aceitar a atual conjuntura política brasileira, pois esta que deveria existir para fomentar e garantir a cidadania dos brasileiros no sentido amplo e verdadeiro da palavra está totalmente distorcida. O que vemos atualmente são candidatos sem nenhum escrúpulo "entregando até a alma" na busca do PODER. É muito triste e deprimente todo esse contexto. Por fim, teus trabalhos artesanais. Bom esses dispensam qualquer comentário pois são lindos e um na sua particularidade por ceto muito gostoso [Torta de maçã]. Abração e FELIZ ANIVERSÁRIO.

Míriam disse...

Cauê, obrigada por trazer tua luz à tanta gente!

isabel tiago disse...

Obrigada Cauê pelo gentil comentário que deixou no meu blog, sobre as raínhas de Portugal.
Esta colecção é uma leve abordagem à vida conhecida das nosas raínhas mas é quanto baste para ficarmos a saber quantas foram e qual o papel que tiveram nas suas épocas de vivência.
Visitei o seu blog e apreciei vários trabalhos seus e certamente muito perfeitos. Gosta mesmo de crochet!!!

É o único crocheteiro que conheço mas sei que em França e na Alemanha há muitos e também fazem tricot.

Em Portugal existe muito preconceito e ver um homem fazer crochet? nunca vi. Há homens que bordam e já têm ganho prémios e também em algumas das nossas cadeias bordam tapetes de Arraiolos.
Lamentávelmente sabemos quase nada sobre os nossos crocheteiros e bordadores. Que os há de certeza!!!

Bom domingo.

Isabel Tiago

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...