4 de jul de 2013

Fazer crochê é um talento, viver também !


Seja bem vindo ao blog A vida é bela !

É uma alegria receber você aqui !
O blog foi uma possibilidade de expor meus trabalhos, e também de compartilhar mensagens de paz e de vida com as pessoas, contribuindo para um mundo melhor.

Ao todo já são 6 anos desde que criei este espaço, e acredito que valeu realmente a pena.
Fiz muitos amigos, conheci pessoas extraordinárias, vi trabalhos excepcionais.
Tudo isso me enriqueceu, me fez mais humano, me fez mais próspero.

Mas vocês sabem, nesses anos, as tecnologias mudaram. Alguns usam o blog como uma alternativa de renda, o que não foi meu caso. 
O blog para mim sempre foi uma distração, um passatempo, um lazer prazeroso.
Hoje em dia, eu não uso com a mesma frequência esta ferramenta virtual.

Meu tempo é outro, meu foco também.
Os amigos podem me encontrar no facebook: https://www.facebook.com/caue.santos.1460, afinal acho mais rápido, mais espontâneo, menos formal.
Vou ficar feliz de adicionar amigos feitos através desta rede.

Continuo postando meus trabalhos, mas na página do blog, também no facebook: https://www.facebook.com/blogavidaebela
De qualquer forma, os que chegarem aqui, ainda podem pesquisar meus trabalhar, ler minhas mensagens.
Esse blog é um baú aberto, cheio de preciosidades, totalmente disponíveis e compartilhadas.

Finalmente, desejo que você seja enriquecido com essa visita.
Fazer crochê é uma arte, viver também.
Que juntos possamos aprender detalhes, segredos e técnicas que nos ajudem a aprimorar nosso talento.
Talento para a arte, talento para a vida.
Que Jesus abençoe você !
Um grande abraço, e um beijo no coração !
Cauê Santos

30 de jan de 2013

TOALHA DE MESA EM LINHA E COM TECIDO ! MODELO PORTUGUÊS !



Bom dia pessoal !
Tudo tranquilo por aí?
Depois de muito tempo estou voltando com mais uma postagem.

Garanto que este trabalho vai alegrar os olhos de muitas pessoas que não me viam há tempos !
Estou trazendo para compartilhar hoje uma toalha de mesa em crochê.



Ela foi feita á moda portuguesa, intercalando tecido, e trabalho em crochê.
De tanto ver trabalhos assim, decidi há tempos tecer uma toalha semelhante.


Comprei o tecido que na verdade era um retalho, e que só me custou R$ 10,00, e mais 4 novelos de linha.
Então foi só cortar o tecido, fazer os quadrados de crochê, unir uns aos outros, e depois uni-los todos a toalha.
E pronto, está aí um resultado de impacto !



Já contei para vocês que coleciono louças em geral, em especial as porcelanas.
As peças que estou mostrando junto com a toalha, fazem parte de um jogo para café, feito no Japão em 1952.


Comprei ele graças a um negócio de muita sorte ! O conjunto saiu baratíssimo !
E a dona, acreditem, só queria liberar espaço !
Pois com esse tipo de objeto, eu nem me importo de ocupar uma prateleira ! Hehehehehe





O barrado no contorno da toalha não tem gráfico, fiz por inspiração própria !
Notem que fui adaptando um barrado que ficasse bom para esta toalha.
Mas gostei do resultado.


Peço desculpas, por que vocês sabem que não sou um bom fotógrafo, mas me esforçei muito para tirar fotos que facilitassem quem quisesse ver os pormenores.



Foi essa toalha que usei para a mesa de natal e ano novo, e garanto que foi um espetáculo á parte !
Bom pessoal, por hoje era só.
Reforço o convite para que curtam minha página no facebook, e acessem meu perfil.
Os links estão nas laterais do blog.


Esse aí em cima, sou eu, entregando minha a vida a Deus e agradecendo toda sua fidelidade.
Um beijo no seu coração, e uma ótima semana a todos !
Cauê Santos


10 de out de 2012

Sua Felicidade está Pesando DEMAIS?

Bom dia pessoal  !

Tudo belo com vocês?





Hoje venho para compartilhar um blog muito especial que visitei pela primeira vez, e que me fez muito bem.

O blog CASAS POSSÍVEIS da amiga Yvone, é certamente uma viajem, entre tudo que nós gostamos.

Lá você encontra dicas de decoração e reciclagem, receitas de culinária, reeducação alimentar, crochê e artesanato, moda, pensamentos e lições... Ufa, tem muita coisa boa !

Além disso tem a experiência de vida e a maturidade de uma mãe, esposa, dona de casa, trabalhadora, artesã e escritora fantástica. Comparei alguns escritos dela aos de Martha Medeiros, pela linguagem atual e descomplicada.

Vale a pena ver e ler !


Confesso que passei algumas horas viajando entre postagens e leituras. Guardei imagens, guardei receitas e dicas, e pensei bastante enquanto lia.





Não somente pensei, mas senti muito. Pensei com o coração, e pude refletir sobre algumas áreas da minha vida que estão merecendo atênção especial.

Desde que entrei nesse emprego muita coisa mudou na minha vida, mas muita coisa mesmo. Em todos os sentidos eu acho.

Muita coisa melhorou ! Cresci na vida, prosperei, comprei meu terreno, minha moto. Fiz novas amizades, renovei meu círculo de amigos, mudei os ambientes que frequento.

Ganhei uma sobrinha e afilhada nesse meio tempo, o que por si só, já alterou muita coisa em mim e principalmente na família.


Mas nem tudo foi bom, preciso reconhecer. Com a mudança de emprego, a rotina mudou, e se tornou mais intensa, mais cansativa, mais corrida.

Vocês sabem que eu faço faculdade de história, e essa, ficou se arrastando... Tenho dificuldades para me manter sempre aprovado nas cadeiras que faço e com energia suficiente para lidar com a jornada diária de trabalho, viajem e faculdade. Pois moro em um lugar, trabalho em outro, e estudo em outro bem mais distante.

Fora isso, percebi em mim, que algumas alterações aconteceram nesse período. Talvez com a vida boa, e principalmente com a moto, diminui os exercícios físicos, passei a me alimentar mais, a dormir mais, e a engordar mais...

Estou redondo ! Hehehehehehe
Um redondo lindo, reconheço, mas redondo mesmo assim.

Pois então, na tentativa de movimentar minha vida e reequilibrar os setores, resolvi pegar algumas ferramentas para isso.

Voltei a fazer caminhadas diárias, que me fazem um bem tremendo em todos os sentidos. Eu fico mais disposto, mais animado, posso pensar e refletir enquanto caminho, além de me ajudar na balança, né.

Programei a leitura de um livro por mês e tenho seguido esse objetivo. Uma vez ouvi que pessoas que lêem nunca ficam sem assunto, e Deus me livre de me tornar um aculturado ! Hehehehehehe



Outro objetivo que coloquei foi de rever filmes, seriados e miniséries que eu vi quando era criança. Cheguei a auto conclusão de que rever programas que eu vi quando era criança iriam me ajudar a descobrir alguns porquês da minha atual formação como pessoa.

E fora isso, resolvi remexer meus objetos, roupas e armários.

Realmente acredito que o movimento gera energia. E que objetos parados deixam a energia parada.

Já observei, que quando faço mudanças no meu quarto, mas aquela de revirar gavetas, caixas e papéis, é por que estou querendo mudar ou em processo de mudança.

Acredito que a vontade de mudar e a mudança em si são necessárias para evolução e crescimento.



E para mudar é fundamental que haja um sentimento:

DESAPEGO !

E confesso que venho trabalhando esse sentimento há anos. Sempre me pergunto o que é importante, fundamental, necessário ou fútil para mim. Fazendo estas perguntas consegui me descobrir além dos meus habitos e costumes.

As vezes fazemos coisas sem realmente pensar se é certo ou não, se vale a pena ou não.


Acredito que uma das primeiras experiências que tive com o desapego foi alguns anos atrás quando eu gostava muito de sapatos.

Eu usava sapatos no dia a dia, e o hábito se tornou um gosto, e o gosto um vício. Eu comprava muitos pares. Tinha um de cada jeito, apesar dos calçados masculinos serem mais limitados.

Lembro que nessa época eu tinha uma família de amigos muito próximos. E seguido eu ia na casa deles.
Eles eram bem pobres na época, mas muito hospitaleiros. Lembro que eles faziam de cada refeição um evento. E realmente era. Normalmente as grandes refeições eram apenas café e cuca.

E como eu era muito amigo, entrava na casa deles sem bater na porta. Até que certa vez fui lá, e um deles tinha ganhado um parte de sapatos de uma tia. E estava combinando com o irmão que usaria o sapato num dia e que o irmão usava outro dia.

Eles dividiram um sapato entre os dois. Tinha somente aquele par.

Eu fiquei tão impressionado de ouvir e ver aquilo, já que eu tinha tantos pares de sapatos em casa, que decidi doar todos os que tinha.

Só para eles eu dei 12 pares de sapatos. E fui distribuindo. Até que fiquei somente com um par.

Naquela época eu decidi ter e usar somente um sapato de cada vez. Era minha atitude de desapego.
E até hoje, quando compro um sapato novo, ou um tênis novo, o anterior eu passo adiante.

                                                                     
E sabem que o mais interessante, é que eu mudei completamente meu pensamento daquela época para cá.
Não somente quanto aos sapatos, que não tem mais o mesmo fascínio, mas em quase tudo.

Me tornei mais clean, mais simples, mais livre.


E fui descobrindo que quanto mais abrimos mão daquilo que nos pesa, mais felizes nos tornamos.

Entendam, a felicidade não é pesada ! É leve ! Do tamanho do coração !

Você pode construir uma casa para ser feliz, não vai adiantar.

Você pode comprar um carro para ser feliz, não vai dar certo.

Você pode conquistar muitos bens para ser feliz, não vale a pena.

Depois que aprender que a felicidade vem primeiro daquilo que você sente e daquilo que você é, e não daquilo que você tem ou paga, aí sim, sua felicidade vai começar a se ampliar através das suas conquistas.





Eu desejo de todo coração que possamos ter momentos de confronto e análize com nós mesmos, a fim de identificar o que nos faz melhores e realmente felizes.

Que abrir mão dos pesos que carregamos seja o primeiro passo para abrir o coração para a felicidade da vida.

Eu estou torcendo por você !

Um beijo no coração,

Cauê Santos

26 de set de 2012

TRILHO DE MESA EM CROCHÊ COM CISNES

 Bom dia pessoal !

Hoje trago um trabalho realmente excepcional, de receita simples e efeito surpreendente:




Gosto muito de trabalhos com cisnes, e sei que na internet há muitas opções bonitas com esses animais.

Eu já tinha feito esse mesmo trabalho alguns anos atrás, mas em linha, e inclusive mostrei aqui no blog na postagem: Meus primeiros trabalhos em crochê.

Inclusive, nessa postagem antiga, eu trago uma mensagem muito, muito, mas muito especial. Vale a pena conferir !

Mas voltando ao trilho, algumas semanas atrás vi numa feira de artesanato esse modelo de trilho com barbante. Como eu já tinha o gráfico, e já tinha feito em linha, resolvi testar com o barbante.



É bem fácil de trabalhar, e bem rápido.

O bom do crochê filê é que se torna uma melhor opção para iniciantes, pois o gráfico é bem mais fácil de entender e de executar.


Aqui está o gráfico para quem quiser confeccionar:


Mas como alguns de vocês sabem, no mês de setembro comemoramos aqui no Rio Grande do Sul a Revolução Farroupilha, movimento gaúcho do século XVIII para que o estado se tornasse um país independente do Brasil.

Claro, essa é a parte super idealista da história, fora isso havia uma luta muito grande por igualdade. Tanto dos fazendeiros gaúchos que comercializavam charque e se sentiam prejudicados com os altos impostos sobre os seus produtos, quanto dos negros, que participaram ativamente da guerra e lutaram também por liberdade.

Acabou que deu empate. O estado não se tornou país e os negros não alcançaram a tal liberdade que esperavam. Pelo menos não naquele momento.

A história da revolução farroupilha é retratada numa minissérie brasileira TRI legal: A casa das sete mulheres. Acredito que muitas devem ter visto, pois teve bastante audiência na época da exibição.

Mas enfim, fiz todo esse saragaço só pra mostrar as fotos dos meus irmãos desfilando a cavalo.


A propósito, para comemorar a revolução farroupilha, que é tradicionalmente no dia 20 de setembro, são feitos desfiles a cavalo em quase todas as cidades, relembrando os nossos antepassados gaudérios. Criadores de gado, cavaleiros, povo guerreiro e pampeano.

Não sei se é possível demonstrar todo o nosso orgulho, mas emociona qualquer gaúcho os desfiles da semana farroupilha.



O primeiro da foto é o primogênito dos 4 irmãos: Norton, pai da minha sobrinha e afilhada, Lorena.

E abaixo, o Caniggio, o que veio depois de mim... hehehehe

Bom pessoal, por hoje era só !

Espero que tenham curtido o trilho de mesa e as fotos dos desfiles.

Um beijo no coração, e um grande abraço !

Com carinho,

Cauê Santos

1 de set de 2012

SÃO JORGE CROCHÊ ! SAINT GEORGE CROCHET ! Gráfico de mais de 400 anos !

Boa Noite pessoal !

Hoje vi dois crochês que me chamaram a atênção sobremaneira !

A MANELA trouxe para nós dois entremeios publicados em 1597, num livro chamado "Schon neues modelbuch" .




Ou eu li mal, eu esses dois entremeios foram publicados há mais de 400 anos !!!!

Será que eu entendi bem???

Parei tudo e fui pesquisar um pouco...


Como o trabalho traz a figura de um cavaleiro matando um dragão, é evidente que remete a SÃO JORGE . Em razão disso fui pesquisar sobre esse mártir do cristianismo e sobre a publicação dos trabalhos.

Sabem que depois de fazer uma pesquisa achei pelo menos uma outra IMAGEM de São Jorge em crochê. A CARLA teceu esse trabalho e nos mostrou através de seu blog.



 Junto com a imagem do trabalho da Carla trago também o modelo de sua inspiração:


E o gráfico para realizar:

Mas vamos voltar ao crochê tetracentenário... AQUI você pode ler sobre livros, ilustrações e publicações muito antigas mesmo !

A página do site está em inglês, mas graças ao tradutor do Google, você pode entender o que está escrito. E pelo que li, os Moldebuchs, ou livros de moldes, traziam receitas que poderiam ser usadas para bordados, tapetes, ou ainda para o crochê, que no livro é chamado de renda.

Entendam, nessa época ainda não existia a imprensa, mas mesmo assim, havia outras formas de publicação, mais rudes, mais primitivas. E que para nossa alegria, temos disponibilizadas para visualizar na internet.

Interessante também destacar que apesar do crochê ter tido seu apogeu nos séculos seguintes na Europa Vitoriana, nos séculos XVI e XVII já era difundido e propagado.

Confesso que isso me surpreendeu ! Até hoje as publicações mais antigas em crochê que eu tinha visto eram do início do século XX !

Ainda lendo sobre o moldelbuch eu vi que era comum na época (séc. XIV e XV) usarem padrões a partir da natureza (flores e animais), formas geométricas variáveis ​​(representando estilos de concepção clássica) e figuras mitológicas, como grifos, dragões e unicórnios.

Para que quiser ler e ver ainda mais sobre o livro, pode entrar AQUI, e ver na íntegra. (VALE A PENA!!!)

Mas agora vamos falar de São Jorge... Mesmo eu, que sou protestante de base e de entendimento, reconheço que é muito grande o culto a este santo. Estive lendo a respeito e vi que ele é "padroeiro" de alguns países, como Inglaterra, Portugal, Geórgia, Catalunha e Lituânia, além de ser padroeiro também dos escoteiros, do time do Corinthians e da cavalaria do Exército brasileiro.


Conta a história que Jorge viveu na Palestina por volta de 300 anos depois de Cristo. Vindo de uma família rica, vivia na corte do rei Diocleciano como tribuno militar. Sendo assim participava de reuniões do conselho imperial.
Certa vez, o imperador deliberava sobre matar todos os cristão através de um decreto. Porém Jorge, espantado com a proposta, repudiou o intento e aconselhou que todos os romanos se convertessem a Cristo.
Diante da ousadia de Jorge, ele foi preso e torturado dia após dia, e de maneiras diferentes, na expectativa de que negasse o Senhor.



E o tempo foi passando, mas Jorge permaneceu fiel a sua fé, de maneira que muitas pessoas souberam de seu martírio e converteram-se a Jesus, inclusive a mulher de Diocleciano.
Vendo a negativa de seu prisioneiro, o imperador mandou que o degolassem.
Em seguida seu corpo foi transladado para sua terra natal, na Ásia Menor. A partir disso começaram os cultos e a veneração ao mártir.



Durante a Idade Média o culto a São Jorge cresceu e muitas igrejas foram construídas em sua homenagem. Assim como ainda hoje vemos.

Mas preciso salientar que nenhum santo, São Jorge ou qualquer outro, enquanto vivo, trazia para si o mérito de sua fé. Em nenhum momento na história de São Jorge ele se intitulou como operador de milagres, ou poderoso para curar ou resolver. Ao contrário, doou sua fortuna para os pobres a fim de praticar a caridade cristã.



Todos os santos e mártires, apontavam somente para um Senhor: Jesus Cristo.

E Ele disse: "Eu sou O Caminho, A verdade e A vida, e ninguém vem ao Pai senão por mim."

Desejo um ótimo fim de semana a todos !

Um abraço e um beijo no coração !

Cauê Santos

31 de ago de 2012

TOALHA DE PRATELEIRA EM CROCHÊ !

Bom dia pessoal !

Trago hoje um dos meus últimos trabalhos em crochê.

Na verdade eu fiz um barrado em crochê para a prateleira da minha cristaleira.

Mas como precisava de algo para fixar o barrado, resolvi fazer essa toalha de squares junto.

Esse motivo é bem flexível e bem conhecido na internet. Já vi várias receitas e trabalhos com ele.


É bem diversificado e pode ser usado de muitas maneiras.


Acho que fica tão bonito o efeito dessa toalha !


 E aqui o gráfico:


Quanto ao barrado, que foi a base do meu trabalho, eu não tenho gráfico. Mas ele é também conhecido, fácil e rápido de fazer.

Trago também uma outra sugestão com o mesmo Square. Uma colcha em crochê em tons de azul feita pela Catiele, uma jovem blogueira e artesã que nos encanta com as bolsas que faz.

Está é a colcha de solteiro que ela confeccionou.




Viram que versátil que é esse ponto?

Mas garanto, que se acharam a colcha dela bonita, muito mais vão se encantar com as bolsas. Inclusive, recentemente ela foi mencionada na revista Manequim ! Mas, tudo isso vocês vão saber passando por lá, ok?

Então, por hoje era só.

A todos que me visitam desejo um bom fim de semana, saúde e muita paz.

Um beijo no teu coração !

Cauê Santos

24 de ago de 2012

SZYDELKO POLAND - Crochê da Polônia ! Vale a pena ver !

Bom dia pessoal !

Um tempo atrás estive pesquisando sobre o crochê em outros lugares do mundo. Saí do Brasil, passei pela Venezuela, depois méxico, cheguei aos Estados Unidos.

Peguei um transatlântico e fui para a Europa. Revisitei Portugal, passei rápido na Espanha, depois França, Escócia, voei longe e fui na Rússia. Cruzei mais um pouco e dei uma volta no Japão.

Resolvi voltar um pouco e aterrizei na POLÔNIA !

E fiquei impressionado ! Não só com o crochê ou szydelko poland, mas com o contexto social desse país.

Convido vocês agora a viajar um pouco comigo pelas maravilhas que encontrei por lá !

De começo trago algumas curiosidades desse país encantador, e algumas semelhanças com o nosso Brasil.


Assim como o nosso, também é um país multiétnico. Formado em 90% de poloneses, tem também grupos de russos, ucranianos, bielorussos e alemães.

E assim como no Brasil, a maioria de seus habitantes são cristãos católicos.

Vocês sabiam que eles também tem uma imagem do Cristo, semelhante a nossa do Rio de Janeiro?


AQUI você pode saber mais sobre a história da construção do Cristo Polonês.

Interessante que o esporte preferido na Polônia também é o futebol, e nesse caso, se destacam dois times, o Wisła Kraków e o Legia Warsaw, também conhecido por Légia de Varsóvia.

Outra curiosidade que me chamou a atênção na Polônia foi a tradição natalina. Eles tem o hábito de colocar grama seca embaixo da toalha da mesa do jantar. E no café da manhã são servidos os pratos da noite anterior acrescentando salsichão vermelho e branco, cores da bandeira polonesa.


Tem uma artista polonesa que talvez algunas de vocês já conheçam. O nome dela é AGATA OLEK e ela já esteve no Brasil demonstrando seus trabalhos.

Além de crocheteira fanática e habilidosa, ela tem o hábito de cobrir OBJETOS COM CROCHÊ..



Mas não é cobrir pedras ou coisas pequenas não... É cobrir motos, biciletas, pessoas, escorregadores... Coisas grandes !



Eu fiquei observando os trabalhos dela e tentando entender o porquê dela fazer trabalhos assim. Mas, interpretações á parte, quando ela veio ao Brasil, ficou encantada com o brasileiríssimo fuxico e com a versatilidade das nossas artesãs em usar diferentes tecidos e cores.

Acho que tem um pouco de brasileira na Olek ! Será que ela samba? Hehehehehehe

Mas fora as esculturas, em cimento ou em crochê, tem muita arte "tradicional" na polônia, no que refere aquela feita com agulhas.

Estive olhando alguns blogs, e observei que eles não costumam usar o barbante. Apenas linhas.

Na verdade, em muitos lugares o barbante não é comercializado.Em  Portugal, por exemplo, eu sei que algumas blogueiras nem conhecem o barbante. E só tornou-se mais conhecido graças ao contato brasileiro com outras artesãs além mar.

Primeiro quero mostrar um blog assim, INCRÍVEL !

ROSE ET CROCHET, é um blog fantástico, bonito, excepcional !



A artesã dona do blog, não somente tece peças em crochê  e tricô com linhas, mas ainda mostra geléias e doces que faz, além de bolos. Um mais atrativo que o outro.



Sabem que quando conheci esse blog, andei por toooodo ele. Da última até a primeira postagem.



A artesã é simplesmente incrivel. Faz trabalhos que encantam pelos detalhes, pela perfeição, pelo capricho.



Até me animei ainda mais a deixar o barbante um pouco de lado e trabalhar mais com linhas, tamanha foi a animação que ela me passou... Hehehehehe

São lindos né gente?

CORRAM no blog dela, e não esqueçam de comentar !

Outra blogueira polonesa que me chamou muito a atênção foi a do blog BABIE LATO , e que pelo que observei, gosta de fazer cortinas de crochê.



Olha, eu achava que gostava de cortinas, mas ela me ganhou. A mulher tem vários modelos de "firankas", cortinas em polonês.



Todas feitas em linha. Como não vi receitas nem gráficos, creio que são modelos exclusivos.


Lindas, lindas né !?

Que trabalheira medonha também deve ser fazer tudo isso com linha ! Eu acho que me acostumei com a rapidez do barbante.

E trago mais uma blogueira, ela é fotógrafa, e pelo que entendi, criou um blog com fotos dos crochês que faz.

CROCHÊ ROMANTICO é o blog dessa bela mulher polonesa que encanta pelos trabalhos e pelas fotos.



Fora a beleza e delicadeza das cortinas em linha, ainda encanta a rusticidade da janela onde as fotos são tiradas.

Sinceramente, fiquei impressionado com o trabalho das meninas. Muito bonito né?!

Olhem essa cortina, que espetáculo:


Trago também mais uma jovem artesã polonesa, que se destaca tanto pelas roupas em crochê que faz, quanto pelas fotos da Polônia. O blog dela é uma viajem, tanto pela confecção em crochê, quanto pelas paisagens polonesas.
Olhem que blog FANTÁSTICO !




Bom, para finalizar a postagem, quero mostrar duas cortinas que eu fiz. Com barbante e exclusivas.
Hehehehehe



Legal né gente !

Espero que vocês tenham gostado desse passeio pela Polônia crocheteira ! Hehehehehe

E deixo um grande abraço a todos os visitantes: sejam brasileiros ou poloneses !

Um beijo no coração !

Saúde e paz pra todos nós !

Cauê Santos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...