6 de out de 2011

O que fazer quando o sofrimento bater na sua porta?

Bom dia pessoal !

Vim hoje para compartilhar uma experiência que tive no fim da semana passada.

Como trabalho na madrugada, prefiro tirar meu intervalo quase no fim do expediente, em torno de cinco e meia da manhã. Nesse dia, aproveitei o momento de ócio para ficar observando pela janela enquanto o dia ia nascendo.

Observei o campo extenso na frente da empresa, e a maneira como tudo ia clareando com o nascer do sol.

Gosto demais desse momento do dia, principalmente quando vejo que é um solzão que está nascendo. Ele nasce e eu renasço, fico animado, disposto, e cheio de vida e energia pra enfrentar o dia que está apenas começando.



Nesse dia, enquanto observava ali, quieto, senti vontade de orar. Simplesmente parar um pouco e agradecer a Deus por tudo que tem me dado.

Fiz isso, me sentei, curvei minha cabeça, a apoiei nas mãos, e orei a Deus.



Primeiro coloquei diante D'Ele minha vida e minha família, e em seguida fui dando graças por tudo que tem acontecido comigo.

E chorei. Agradecido pelos momentos de crise e de prosperidade, pelos momentos de discórdia e de união.

Agradeci por cada aprendizado, por cada lição. Pelas dificuldades que sempre me aperfeiçoaram, e que me fortaleceram. Me fizeram crescer e expandir.

Por aprender que em tudo, tudo tudo há sempre um propósito: expansão.

Novamente silenciei, e senti Deus falando comigo. Deus me ensinou naquela manhã a ser como um rio, que vai sempre a frente, que enfrenta, supera e transpõe cada dificuldade.



Não sei se vocês acreditam em Deus. E também não sei se acreditam que existindo, Ele possa falar com alguém.

Alguém pode dizer que talvez tenha sido o acaso, ou minha mente, ou alguma outra coisa qualquer.

Mas sei o que sei. Sei o que senti. Sei da Paz, sei da fé, sei de uma resposta divina que me tocou, me trouxe acalanto.

Me marcou aquela resposta a uma oração. Ser como um rio tem agora um sentido muito amplo e muito forte para mim.

Poderia ser como o mar, mas o mar é extenso demais, abrangente demais. O rio é menor, mais peculiar, mais pessoal.

Analizo agora que observar o rio em sua menor dimensão, é observar a mim mesmo de maneira minuciosa, dando atenção aos detalhes e as pequenas características que me formam como um todo.



O rio não é o mar, mas para ele é que segue. Tem um rumo, um propósito, uma meta.

E vai firme e sempre, com ajuda de seus afluentes, e vai em busca do grande mar.

Supera todas as dificuldades, transpõe as barreiras, segue adiante.

Meninas, precisamos aprender a não focar somente nas dificuldades ou nos problemas que temos e passamos, mas sim no que podemos aprender através deles.

Se há desafios na vida, considero que um dos maiores é conseguir abraçar as mudanças e situações adversas que a vida nos impõe.



Abrace a mudança da maneira como ela se impõe em sua vida.

Por mais que eu proclame que a Vida é Bela, já passei por momentos muito difíceis, e de grande crise.

Financeiramente, tanto eu quanto minha família já fomos aos extremos.

Enfrentamos doenças na família, e a morte também. Já contei que ano passado perdi o avô e um tio.

Minha avó materna, e minha tia descobriram quase ao mesmo tempo que estavam com câncer, e as duas estão fazendo tratamento.

Adversidades apareceram sem que pedíssemos. Nunca desejamos isso.

Ninguém quer passar pelo sofrimento, ninguém quer ter uma doença, ninguém quer nada de ruim.



Mas o que fazer quando o sofrimento bater na sua porta?

O que responder quando a dificuldade aparecer?

Como responder a crise financeira, as drogas, a doença? Como responder?

Ser como um rio, e transpor todas as dificuldades.

Não desanime com as suas dificuldades, não esmoreça devido aos seus problemas.

As águas do rio vão se renovando durante o seu trajeto, e a sua vida também.



Gosto muito de usar o exemplo das estações do ano, e nada melhor que a primavera para renovar o mundo e a nossa vida.

Tenho observado as plantas e as árvores do fundo da minha casa ( e por onde passo), que ontem, ainda ontem estavam sem folhas, meio caídas, mas com a chegada da primavera se renovaram, renovaram suas folhagens e floresceram.

Não é assim conosco? Não passamos também por tempos de inverno?

Mas cremos nas primaveras da vida, e na renovação das águas.



Creia, Deus tem a resposta para você meu amigo e minha amiga. Saiba que as vezes Deus fala de maneira diferente daquela que esperamos.

As vezes a resposta é esperar um pouco mais, confiar um pouco mais. Ser um pouco mais resiliente.

Mas confiar e crer sempre.

Estou torcendo para que o teu rio siga sempre forte.

Um beijo no teu coração !

Cauê Santos

28 de set de 2011

Fotos do aniversário de 80 anos da Vó Tereza, família e amigos !

Bom dia pessoal !

Como prometi, voltei para trazer algumas fotos do aniversário do meu amor.

(Mesa do bolo)

(Tia Fátima, 2ªfilha, e o filho mais velho e afilhado, João Oscar)


É assim que chamo a minha avó. Na verdade, ela é muito mais que isso para mim, é uma amiga, uma conselheira, uma confidente, uma parceira de muitos momentos. Para que vocês entendam, a vó sempre morou conosco, junto com minha família. Ela é mãe do meu pai.
Como a casa é bem grande, fomos remodelando a estrutura de maneira que hoje são duas casas distintas, divididas por uma área aberta entre as duas.
Na parte da frente moramos eu e a vó, e nos fundos o resto.. hehehehe

(Primos: Kelen, Nil e Patrícia)

(Foto com os filhos: 3 homens: Rui, Sérgio e Cláudio, e 3 mulheres: Mª Beatriz, Mª de Fátima e Ana Mª.)

Eu sempre gostei de idosos, sempre busquei conversar e aprender com a experiência de vida dos mais velhos. Desde pequeno.
E com a vó, além da questão de respeito por ser quem ela é, acredito que estreitamos nossa amizade em 2009.
Foi um ano para mim de muito trabalho, de muita correria.
Trabalhava em outra cidade, e tinha que sair cedo de casa, e voltava somente para dormir.

(Eu de bobeira...hehehehe)

(Prima Patrícia e o marido, Márcio.)

Nos dois momentos, tanto na partida quanto no retorno, ela estava comigo. Acordava cedo pra dividir o café da manhã, e ficava acordada até tarde pra saber como tinha sido o dia.

Isso nos aproximou demais, nos uniu demais. Desse momento em diante, fazemos tudo juntos. Saídas, compras, projetos. Tudo em comum.

(Netos e bisnetos)

(Entrada no salão junto dos filhos)

Foi assim que planejamos o aniversário. Estávamos nos programando para reunir a família e os amigos. Queríamos que os 80 anos ficasse marcado.

Queríamos uma grande festa, não no sentido de pompa, mas no sentido de bem estar, de boa recepção.

Corremos, trabalhamos, nos esforçamos e nos preocupamos muito !

Como eu sou muito delegado, me envolvi em cada mínimo detalhe, o que me cansou de maneira duplicada. Queria que a vó ficasse o mais tranquila possível. Mas é difícil lidar com a ansiedade, né?!

(Netos²)

(Hora do bolo)

Acabou que ela fez o bolo, e uma boa parte dos doces. Na verdade os doces em calda foram feitos por ela. Uma outra parte foi feita por mim, e o restante por uma prima.

Meu pai tratou da carne e de assar. Eu a vó organizamos do salão até a decoração, aluguel de louças e esses detalhes.

Graças a Deus todos nossos convidados participaram conosco ! Foi uma festa muito bonita ! Muito emocionante.

(Minha mãe, eu, minhas tias, meu pai, e um amigo nosso.)

(Hora do bolo²)

Comemoramos não somente 80 anos, mas comemoramos a saúde, a vida, os filhos, os netos, os bisnetos.

Como eu frisei durante a mensagem que fiz logo que ela entrou: "estávamos comemorando as sementes que se transformaram em frutos."

Por falar em mensagem, falei sobre a "parábola do semeador", e sobre a lição que Jesus nos traz através desssa história.

(Eliéte e eu.)

A vó como semeadora, a vida como a terra, lavrada, preparada, transformada para receber a semente. Os rebentos e amigos como frutos, como colheita da vida.

Foi muito especial !


(Elixir da boa pele... Hehehehe)

(Tio Sérgio e meu pai)


Bom, por hoje era só, queria muito compartilhar o momento que vivi junto com vocês.

Obrigado a todos pelo carinho sempre presente !

Um beijo no coração !

Cauê Santos

13 de set de 2011

Capa de almofada e jogo americano em crochê !

Bom dia pessoal !

Primeiro quero agradecer a todos que vieram ao meu blog, e com paciência leram e compreenderam minha última postagem.
Sei que ficou extensa, e postagens extensas normalmente ficam cansativas, mas mesmo assim muitos enfrentaram o desafio e me participaram de suas opiniões.

Fiquei extremamente feliz e emocionado com esse apoio que recebi.

Confesso que enquanto escrevia a mensagem, pensei que talvez ninguém comentasse. Fui um pouco forte nas palavras.

Mas que bom que pudemos compartilhar os mesmos pensamentos ! Que bom poder conhecer pensamentos semelhantes aos meus ! Muito obrigado mesmo !

O blog tem sido uma experiência sempre fascinante para mim. Uma porta incrível que me mostra muitos novos horizontes.

Valeu mesmo !

Quanto a vida, ela vai correndo como um rio forte e impetuoso. Tenho trabalhado bastante, tenho feito muitas coisas que me dão prazer. Tenho sido muito feliz este ano.

Meninas, só tenho a agradecer a Deus ! Como disse, 2011 está sendo um ano de muitas bênçãos mesmo !

Esse meu trabalho na empresa, as vendas que tenho feito, o equilíbrio entre o trabalho e a faculdade. Tudo ! Tem sido realmente bom !

Não sei se contei pra vocês, mas sempre tive vocação para vendas. Desde muito novo vendo todo tipo de produtos. Me lembro que uma das primeiras vendas que fiz, eu tinha 12 anos. E uma senhora amiga minha, fazia trabalhos de crochê e pintura. E tinha feito um modelo de jogo de banheiro, muito bonito por sinal.
Porém ela não tinha muita desenvoltura pra vender. Nisso fiz uma proposta, que eu venderia o jogo de banheiro, e que a cada jogo vendido eu lucraria 5 reais (que valia mais que hoje).
Resultado, vendi 8 jogos de banheiro numa primeira tacada.

Dali em diante tenho vendido de tudo. E o bom dessa empresa que trabalho, é que posso comercializar muitos produtos aqui dentro, logo tenho vendido celulares, computadores, notebooks, aparelhos pra carro, roupas, bonés, produtos da Natura (sou consultor) e peças em ouro e prata.

Imaginem, que quando peguei o primeiro celular para vender, vendi de saída 15 aparelhos, e até agora tenho multiplicado esses números.

Mereço ou não mereço ficar agradecido?

Fora isso, esse fim de semana minha avó completou 80 anos ! Fizemos uma grande festa muito especial para comemorar com nossos amigos.
Graças a Deus todos os nossos convidados participaram, incluindo os 6 filhos, 18 netos e 6 bisnetos.
A festa foi muita maravilhosa, e me encheu de alegria.
Como eu que estava organizando, a preocupação e a ansiedade foram sentimentos inevitáveis, mas graças a Deus correu tudo bem, e foi um sucesso !

Aqui a foto da vó com os netos ! O que está de óculos azul do lavo da vó é meu irmão, o Norton, e o de camiseta rosa na ponta direta, outro irmão, Caniggio.




E hoje pela manhã, recebi mais uma notícia maravilhosa ! Que reforçou a idéia de que este ano está sendo de colheita !

Vou ser tio ! :DDDD

O Norton soube que vai ser pai. E isso nos encheu de alegria !

Como a maior parte das gestações, essa também não estava programada, mas isso não quer dizer que não estejamos corujas... Hehehehehe

É o primeiro neto dos meus pais, o primeiro sobrinho de três irmãos.

Aqui a foto do Norton com a Rose, a Shaielle, e a Vó.




Já contei pra vocês que somos 4 filhos homens: Norton de 26, Eu com 24, Caniggio com 20, e Naidel de 19 anos.

Bueno, essa semana começo algumas peças pro novo bebê ! Hehehehe

Vem enxoval pela frente.... Hehehehehe

Mas hoje trouxe a foto de duas encomendas que entreguei semana passada. Uma almofada, e um jogo americano. Ambos com barbante cru e colorido.

Não tenho gráfico destes trabalhos, fiz os dois conforme minha criatividade.

Confiram, e cliquem sobre as fotos para ampliar !



E aqui o jogo americano !









Por hoje era só. Na próxima postagem trago mais fotos do aniversário !

Um beijo no coração, Cauê Santos

2 de ago de 2011

Toalha de mesa, centro oval e cortina em crochê ! Um Show de trabalhos !

Bom dia meninas e meninos ! Hehehehe

Tudo belo com vocês?

Comigo e por aqui está tudo em paz, e na tranquilidade, mesmo com todo o frio que tem tido nesse inverno tão rigoroso.

Como eu passo períodos sem aparecer, quando volto trago na bagagem várias novidades. E hoje tenho várias coisas para compartilhar. Os momentos que estou vivendo, uma toalha de mesa maravilhosa, e algumas fotos de mim no tricô, além de uma reflexão ao longo da postagem.

Continuo muito feliz e colhendo muitos frutos bons esse ano ! Graças a Deus fui efetivado na empresa que entrei no inicio do ano, e agora estou trabalhando de madrugada. Da meia noite até as oito horas d a manhã ! Um frio terrível, mesmo com ar condicionado !
Mas, como não sou fraco, e nem sou de ver ruim em nada, fico feliz e agradeço essa oportunidade !
Tem de bom que é mais tranquilo, e agora já me acostumei mais com a troca de horários. Normalmente passo a manhã acordado, por que acho que fico com muita adrenalina do serviço a noite (hehehehe), e durmo a tarde. Daí a tardinha vou pra faculdade, e volto quase que direto pro serviço.
Corrido que é uma barbaridade ! Hehehehehe

Mas fora isso, ainda consigo fazer algum artesanato. Tive um período viciado no tricô ! Aprendi a fazer a malha inglesa, que é um ponto duplo, e de empolgado que estava com isso, fiz 4 mantas, e vendi as 4. Depois resolvi fazer um blusão pra mim, mas quando acabei, me achei meio torto com ele, e de raiva vendi também.hehehe
Depois disso exercitei a caridade, fiz um pala pra minha avó, que vivia chorando por um trabalho de tricô MEU que esquentasse ela. E ainda um conjuntinho de bebê pra uma amiga que está grávida.

Depois disso parei de tricô, resolvi voltar pra uma agulha mais prática, menor e mais rápida.

Daí saíram esses trabalhos, começando por essa toalha que é demais ! Agora que vejo ela pronta, nem parece que fui eu que fiz. Agora eu acho ela tão trabalhosa ! Hehehehe
Mas na hora que vi o modelo numa revista fiquei tão tão empolgado que fiz em três dias !!

Confiram !








E casualmente dando uma olhada no blog da Miriam, vi que ela também já fez a mesma toalha, linda demais !



E ainda com o gráfico !





Aqui trouxe uma cortina que iniciei no começo do ano. Fui fazendo as tiras, e parei por falta de barbante do mesmo número. Esses dias achei a mesma numeração, e consegui acabar.
Fiz ela de presente para uma amiga muito amada. Uma senhora de 83 anos que é muito especial para mim. Também crocheteira, e conselheira na arte, mas que há tempos queria ter em casa um trabalho meu. Fiquei tri honrado com isso e me esmerei em criar e confeccionar um modelo inédito para ela.
Pelo menos no sentido das cortinas que fiz posso dizer que uma não é igual á outra, sempre dou um jeito de fazer alterações e criar peças únicas. Adoro isso ! Hehehehe






E aqui um centro de mesa que há muuuito tempo queria fazer ! Como estava com uma linha sobrando da cortina, aproveitei e fiz ele. Modelo TRI bom de fazer ! Confiram !





Bom, aqui eu trouxe uma foto minha fazendo uma das mantas, verde e marrom, na hora do intervalo do trabalho. Notem pela quantidade de roupa o frio que devia estar...



E aqui uma foto do ano passado, que também fez frio, mas nem se compara com esse ano.
Nessa foto estava fazendo um outro blusão. Meu recorde é um por inverno... hehehehehe



Ah, e aqui a foto de parte do meu trabalho, o relatório que vou fazendo durante a noite. Eu trabalho no controle de qualidade de uma empresa de alimentos, específicamente com o arroz, e daí durante a madrugada vou conferindo se está tudo ok.




E é a partir dessa foto que começo minha reflexão de hoje, pois cada vez que acontece algo em minha vida, fico pensando os motivos que atraíram tal situação para mim.

Sim, eu acredito no tal segredo (que para mim não foi segredo), eu acredito na lei da atração, e comprovo isso a cada experiência que vivo.

Em todos os empregos que tive, sempre busquei um motivo maior, um porquê de estar naquele local e desenvolvendo determinada função. Quando descobria esse motivo maior, talvez até uma vocação para a área, conseguia encontrar uma motivação que me fortalecia para desempenhar firmemente e com qualidade o serviço proposto.

Primeiro trabalhei na saúde lidando com muitas vidas, com muitas histórias, com doenças e saúde, com forças e fraquezas. Trabalhei com vendas, ligando para a casa das pessoas, e durante um ano no telemarketing fui campeão de vendas, por que procurava estabelecer vínculos com as pessoas para quem ligava, chamando a todos de amigos...
Depois como massoterapeuta, tocando pessoas, tocando vidas, passando e trocando energias, mas nem preciso falar muito sobre esse período, por que vocês podem entender a profundidade da área.

Mas agora, trabalhar na análise, no controle, no cuidado do que vai estar na mesa de muitas pessoas, e consigo ver nisso a responsabilidade de fazer sempre o melhor, para que o melhor chegue a cada casa.
E consigo ampliar esse controle que desenvolvo na empresa para outras áreas da minha vida e dos meus relacionamentos.

Também aqui no blog procuro desenvolver um controle de qualidade, para levar até você que me lê e acompanha um bom produto, uma boa palavra, uma boa mensagem.

Eu creio que tenho uma responsabilidade moral e espiritual de propagar aquilo que é bom e que pode gerar fé e esperança nas pessoas a minha volta.

Eu confesso que dificuldades todos temos, problemas existem, perdas também. A violências está aí escancarada e sendo despejada sobre nós sem avisos prévios, a morte que virou espetáculo diário, as drogas que destróem não somente mais os jovens, mas muitas e muitas pessoas.
Eu confesso que existem muitas coisas ruins acontecendo no mundo, injustiças, fome, misérias, roubos, mortes e violências, doenças. Meus olhos não estão fechados para isso, e nem sou tão infantil de viver um conto de fadas, ou polianamente, sendo insensível com a realidade alheia. Eu reconheço todas estas coisas.




Porém eu creio que ainda há esperança !

Eu realmente creio na beleza da vida, e em suas renovações. E me nego a seguir a massa que propaga a violência e atos violentos em vez de propagar a paz e as bênçãos diárias que nos acontecem.

SERÁ QUE SÓ EXISTE MORTE NO MUNDO??

SERÁ QUE NINGUÉM FOI CURADO DE CÂNCER??

NÃO HÁ NINGUÉM QUE SOBREVIVEU A UM SEQUESTRO??

NÃO HÁ NENHUMA HISTÓRIA DE VITÓRIA, CONQUISTA, ALEGRIA OU SUCESSO (sucesso num sentido bem mais amplo) PARA SER CONTADA??



Um dia eu ligo a televisão e vejo a Donatela tentando matar a Flora, daqui a pouco a Flora matando todo mundo. Depois o Léo matando todo mundo, depois a Norma esquartejando o Léo.
A vítima se torna agressor, e o agressor cumpre seu papel e deixa um rastro de violência por onde passa. E nisso se confudem os papéis, e a mensagem que fica é que todos são maus...

Todos são maus?

Uso esse exemplo de novelas por que muitas pessoas assistem, mas e os jornais?

Ano passado foi a Isabela, esse ano a Carolina, ontem o Pedro, hoje o Ruan. E amanhã?
Qual vai ser o número de uma página de jornal tomado como importante para fazer sensacionalismo na mídia?

Creiam, eu fico super sensibilizado com esses casos de violência extremada que acontecem, e um tanto mais com o sensacionalismo em cima disso.

E não que as notícias venham para mudar, ou para fazer a diferença, o problema é que as vezes é notícia por notícia, número por número, é somente mais um capítulo, e amanhã é outro. E o que aconteceu hoje é passado. Ninguém lembra. Ninguém aprendeu nada.

E isso sim é muito triste !

E eu realmente creio que isso pode mudar ao tempo em que nós mudarmos.




Estou desabafando nesse diálogo por causa de uma manhã em que resolvi ver televisão um tempinho atrás, depois do dia das mães, e que mexeu muito comigo. Muito mesmo. Tinha chegado do serviço as 8 da manhã, e enquanto esperava o sono chegar, liguei a tv.

Não sei se foi melhor ou pior, mas sei que me tornei radical naquele dia e fiquei pasmo, pasmo de ver o que vi e ouvi.

Naquela manhã vi o programa da Ana Maria Braga, e olha que eu gosto demais dela ! Sinceramente !
Tenho livros e receitas dela, e admiro seu trabalho.

Mas de uns tempos pra cá, não sei com qual motivação, ela(com uma equipe, claro) começou a colocar certas notícias que fazem mal pra qualquer um.
Num dia é uma criança espancada, no outro um estupro, no outro a morte de uma criança, um assalto, um roubo, um sequestro. Qualquer coisa desse nível aí...
E nesse dia, somente nesse dia, por que no dia seguinte já era outra vítima, o assunto foi sobre um jovem morto na frente de uma festa, casualmente na madrugada do dia das mães. Nessa manhã que assisti, os pais do jovem estavam no programa, e uma matéria e uma entrevista muito emocionantes foram feitas. Gente, eu fiquei muito triste pelos pais, e pelo destino de um rapaz tão novo. No fim da entrevista quase chorei com a mãe do guri dizendo que teve que enterrar o filho no dia das mães. Achei aquilo muito forte ! Muito trágico mesmo, me senti mal enquanto olhava aquela história real.

Nisso a Ana Maria abraçou a mãe do guri e se despediu com lágrimas.

Pronto. Virou a página. Acabou a história.

No instante seguinte, mas no instante seguinte MESMO, enquanto os pais estavam ainda saindo da sala, ela virou para outra câmera e deu o aviso da matéria seguinte: "como se proteger de sarna!" "Se você quer se proteger de sarna, não saia daí!"

Até hoje não consegui conceber a tamanha capacidade que uma pessoa tem para lidar com temas tão distintos, com sentimentos e propostas diferentes.

Eu fiquei impressionado ! É como se toda a história do rapaz tivesse desaparecido, como se aquilo tivesse sido contado somente para chamar a atênção, e realmente chamou, e depois que nos prendeu vendo aquele drama, não precisa mais lembrar, não precisa mais falar, já passou.

Achei de uma estupidez, de uma ignorância sem tamanho. Que desrespeito com a vida. Achei péssimo.

Só aquilo me bastaria pra desenvolver uma reflexão crítica, mas teve mais. Em vez de ter sono, fiquei super revoltado com o que tinha isso, e fui comentar com a minha mãe sobre a maneira como intercalaram a notícia de um guri de 17 anos morto a facadas no dia das mães, e as formas de se proteger de sarna.

Um tempo depois voltei, e agora estava dando aquele programa de saúde, o "Bem estar". Foi a primeira vez que vi o programa, e estava realmente interessado por que achei ótimo ter um programa assim, voltado para práticas de saúde no dia a dia.

Então, no meio do programa, aparece tipo um plantão de notícias, com uma notícia BOMBÁSTICA !!!! FENOMENAL !!!! INACREDITÁVEL !!!! INSUPERÁVEL !!!!
Um boi entrou numa loja e ficou preso lá dentro ! Passou algumas horas lá dentro, e no fim do dia foi laçado por peões que o capturaram.
Gente, essa é uma notícia espetacular !



A não ser pelo fato de que o boi veio de um caminhão que virou em um acidente, e que deixou morto o motorista.
Novamente fiquei impressionado.

Como que pode ser irrelevante a morte de um homem diante da simples fuga de um animal?

Será que eu entendi mal? Será que foi mesmo assim?

Ninguém se interessou em dizer o nome do motorista !

Ninguém se interessou em saber por que ele tombou o caminhão ! Ninguém informou se ele estava distante de casa, se dormia mal, se usava cocaína para não dormir, e que efeito de drogas podem levar a morte num acidente ! Não vi ninguém comentar sobre isso !



Como que pode? Há quanto tempo nós mudamos a ponto de valorizar mais a vida viva de um animal do que a vida morta de um ser humano??

Será que fui só eu que pensei assim?

Parece até que estou falando em outra língua, de um outro tipo de povo, dos avatares quem sabe.
Achei demais, literalmente demais, que durante a notícia, a jornalista disse exatamente assim: "hoje de manhã houve um acidente, um caminhão de bois virou, alguns animais morreram e o motorista também, MAS O MAIS INTERESSANTE, é o que aconteceu com um dos bois que fugiu do caminhão...

Desde quando pessoal, desde quando nos tornamos tão frios com a vida humana? Será que somos tantos humanos na terra que chegamos ao ponto de nos tornarmos descartáveis?

Friso que adoro animais, e crio alguns aqui em casa, mas queria saber em que esquina da história mudamos tanto o nosso rumo que colocamos animais acima de pessoas? Acima da vida Humana?

Isso me parece muito confuso.

E depois não venham me falar em preservar o planeta, em ações sustentáveis, em materiais orgânicos, na floresta amazônica.

E do homem, quem cuida? Como pode alguém querer cuidar de espécies alheias se não cuida da sua própria, sendo que é instintivo e natural sermos a favor da vida.

A violência que é retratada como teatro a cada dia, só vai gerar mais violência. A morte só vai gerar mais morte. E assim sucessivamente.



E digo mais, a Bíblia diz que: "os filhos do povo andam aleivosamente enganando dizendo: " paz!" "paz!", quando não há paz".

Não são os monumentos de bronze, ferro, ouro, prata ou cera que são levantados a cada dia que irão diminuir a violência ou mudar o mundo.

Até por que não podemos mudar o mundo, podemos mudar a nós mesmos, nossos pensamentos e nossas atitudes, e o que terá a nossa volta é apenas um reflexo de nosso bom sentimento.



O necessário é cumprir um mandamento muito simples que Jesus deixou. E não digo isso somente para os cristãos, por que sei que também ateus, e crentes de diversos dogmas me lêem, mas digo por que Jesus é referencial, no mínimo como um profeta, e para nós como filho do Deus Eterno, e aquele que pode salvar a mente, o coração e a vida das pessoas. Ele disse: "Amarás o Senhor Teu Deus de todo teu coração, e ao teu próximo como a ti mesmo".

Esse é o resumo de tudo ! Da paz, do amor, da felicidade, da realização existencial.




Uma experiência de amor com Deus e com as pessoas a nossa volta são suficientes para dar a nossa vida o sentido de missão, um propósito, uma meta, um preenchimento.

Você precisa amar ! Isso sim. Na singeleza das suas palavras, das suas respostas, das suas atitudes, dos seus gestos. Na sua integridade, justiça e caráter.

Como diz a Sônia Maria do blog falando de crochet, respondendo sobre filmes favoritos: "nada que tenha violência".

Essa simples frase me marcou há muito tempo, e é com ela que finalizo esta mensagem hoje: Nada que tenha violência !

Tudo de paz para você ! Tudo de amor para você ! Tudo de saúde ! Tudo de bênção ! Tudo de vida ! Tudo de perdão ! Tudo de cura ! Tudo de restauração ! Tudo de vitórias ! Tudo de alegrias ! Tudo de prosperidade ! Tudo de salvação para a tua família em Nome de Jesus !

Tudo de bênção para a tua casa em Nome de Jesus ! Tudo de bênção sobre você !

Essa é minha decisão ! Tudo de beleza. A vida é bela, eu creio, em Nome de Jesus.




Um beijo no seu coração, e um abraço humano...

Com toda minha sinceridade...

Cauê Santos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...