28 de mai de 2009

E se você perdesse suas memórias?



Boa tarde gurias !

Hoje vim para conversar... Quero largar um pouco as agulhas e a vida, e propor pensarmos juntos a fim de crescer e evoluir um pouco mais.

Tive uma experiência muito forte essa semana. MUITO FORTE mesmo...

Tentando formatar meu notebook, acabei excluindo todos meus arquivos. Boa parte das fotos, os textos que escrevo, e também as pastas de trabalhos em crochê.



As fotos não eram muitas, mas algumas eram únicas. De anos atrás, de encontros da igreja, de muitos amigos, da família.

De trabalhos em crochê, eu tinha quase 15.000 fotos, divididos em pastas.

E de escritos, eram quase 500 textos que tinha escrito.

E o que choca, é que eu não tinha nenhum desses arquivos guardados em outro lugar. Quando vi que tinha perdido tudo, fiquei apavorado, quase chorei na frente do note.



Fiquei muito triste mesmo, e tentei colocar um programa que recuperasse os arquivos deletados. Baixei o tal programa, mas o retorno foi muito pequeno. Dos escritos, não consegui recuperar nenhum. Passei a terça feira em função disso. Mexendo no computador e vendo o que poderia fazer para recuperar. Ao fim do dia, já estava exausto, tanto mental quanto físicamente.



Saí do serviço, mas tinha que ir para a faculdade. Antes disso, caminhei um pouco, fui numa praça, meditei bastante.



Por fim, decidi não me perturbar com essa perda. Decidi superar. Decidi crescer.

Aprendi várias lições com esse acontecimento. Mais uma vez me redescobri, sob outro ângulo, e com uma nova perspectiva que ainda não tinha observado.
Precisei rever como eu lido com a perda, com o insolúvel. Como eu lido com as limitações, e com aquilo que não posso alterar.

Aprendi que por mais que as fotos tenham desaparecido, as principais memórias, não podem ser registradas físicamente, mas ficam guardadas no coração.
Assim como os sentimentos não podem ser registrados, também não podem ser apagados.



De muitos abraços, eu não tenho foto alguma, mas mesmo assim me marcam e estão guardados em minha memória até hoje.
Assim como muitas palavras, que não gravei em lugar algum para que pudesse ouvir de novo. Mas nos momentos de desânimo, e de desmotivação, é destas palavras que me lembro.
O que faço questão de apagar para sempre, são as memórias negativas. Essas sim precisam ser constantemente retiradas de nossa mente e de nosso coração.

Sou uma pessoa muito esquecida. Converso com muitas pessoas, e por isso esqueço facilmente de muitos detalhes (incluindo os nomes) .
Mas tanto quanto dos detalhes, esqueço também de quem me magoa, e me faz infeliz em algum momento. Não sou de guardar mágoas, perdoo mesmo, levo na esportiva, supero.
Acredito que deva ser assim.

Para que guardar arquivos ruins conosco?

Esses sim, devem ser deletados, dia após dia.



Mas olhem, tive outra lição quando perdi minhas pastas. Quando tentei recuperar os arquivos, consegui rever várias fotos.
Mas as fotos que recuperei eram justamente as mais pesadas. As que demoravam mais a serem descarregadas no note. E que muitas vezes me levavam a reclamar da demora.

Aprendi que aquilo que é feito com dificuldade, nos torna mais fortes, mais capazes, mais experientes e preparados.

Jesus disse que o alicerce que dá mais trabalho ao ser feito é o que vai trazer mais segurança para a casa em meio aos temporais.



As vezes a facilidade com que iniciamos algumas coisas, é a mesma facilidade com que a desmanchamos.

Amizades por exemplo. Tem pessoas que tratam a amizade como algo descartável, simples, e fácil.

Ser amigo não é algo fácil. Exige compromisso, seriedade, respeito, compreensão, e amor.
Da mesma forma, os relacionamentos exigem os mesmos sentimentos.

Pergunte a alguém que fez 20, 30, 50 anos de casado, se foi tudo flores... Observe as respostas, as renúncias que foram feitas ao longo do tempo.

Veja como não foi tão fácil assim. Tão simples assim.

Aquilo que se inicia com seriedade, com calma, com tranquilidade, tem mais chances de permanecer firme. Ao contrário o que se basei em empolgação, em pressa, e em imaturidade, não é muito propenso a estabilidade.

Os arquivos mais pesados são aos que reistem por mais tempo...

Mas o mais importante é que eu aprendi que quando algo do passado se perde, ou sai de perto de nós, estamos recebendo uma mensagem de que continuamos vivos. De que a vida continua, e que precisamos nos renovar, prosseguir, ir adiante.

Não é assim quando lidamos com a morte?

Ou será que não é isso que a morte nos ensina?

A morte, é uma forma dolorosa, mas necessária de recomeçar.



Ao mesmo tempo que é um despertador nos avisando que esse momentos também vai chegar para todos nós, ela também vem dizer que ainda estamos vivos.
Que ainda temos algo a fazer, sonhos a realizar, pessoas para cuidar.

Saiba liberar alguns arquivos para que sejam apagados definitivamente.
Tire novas fotos para preencher os lugares vagos.
Escreva novos textos. Redija novas mensagens.
Crie novos amigos.
Viva intensamente novos momentos que serão as suas lembranças no amanhã.

Aquilo que você está vivendo hoje, pode ser a melhor e mais feliz lembrança que você terá .

Ou seja, o presente de hoje, vai ser o passado de amanhã.

Faça seu presente valer a pena. Faça com que seja inesquecível, imcomparável.
Tenha novos sentimentos, novas emoções. Viva novas intensidades.

Ande de montanha russa, beba uma taça de vinho, tome banho de chuva. Durma de conchinha, ou saia pra acampar.

Dê um beijo na boca e de língua no conjuge após 27 anos de casados...

Volte a amar, se permita ser novamente amado.



Há um mundo de novas oportunidades ao seu redor. Há um mundo de novas sensações para você viver.

E depois que este mundo passar, há um céu de novas sensações.

Quando estava indo para a faculdade, fui desenvolvendo e crescendo em algumas das lições que compartilhei aqui. Enquanto pensava sobre a perda, lembrei de um hino, e cantando , adorei ao Senhor, e agradeci pela oportunidade da vida e da renovação.



O hino é da cantora Cassiane, e nos convida a imaginar uma realidade bem melhor.

"Imagine um lugar onde tudo é muito lindo...
Imagine um lugar onde não haverá dor,
Nem ódio e nem rancor
É o céu prá onde eu vou...
Imagine você,
Voando com os anjos
Imagine você,
Andando pelas ruas de ouro e cristal
Como nunca viu igual...

Eu queria ir prá lá, se eu pudesse estar lá
Não queria voltar, só para(prá) ver o meu Rei
Frente a frente com o Pai
Só cantando assim
Santo, Santo é o Senhor
Para sempre cantaria

Imagine você num corpo transformado...
Imagine você falando com Abraão,
Isaque e Jacó
Estaremos juntos lá...
Imagine você recebendo uma coroa...
Imagine você cantando num coral
Um hino sem igual, hino triunfal"

Um grande abraço, com muito carinho

Vou ficar torcendo para que você recupere cada momento perdido, com novos, muito mais felizes e intensos.

Um beijo no teu coração

Cauê Santos

27 comentários:

Maria disse...

Cauê,
Me emociono sempre com seus textos. Concordo com você em toda a sua escrita. As perdas fazem parte da vida, embora seja de difícil superação, mas com elas aprendemos que estamos aqui somente de passagem e nesta passagem devemos cultivar os amigos, amar infinitamente e viver cada dia como se fosse o último. Sempre teremos coisas novas para "arquivar" e sigo sempre esta frase: "Deus fecha uma porta e nos abre um portão" Tudo tem um sentido e muitas vezes nós não sabemos o porque das coisas...Deus nos mostra caminhos os quais nós não entendemos, mas Ele sabe o porque. Sua atitude foi ótima, apagamos as coisas ruins, porém as coisas boas jamais esquecemos, ficam gravadas em nosso pensamento e no coração.
bj grandes e bom final de semana.

Atelier de Artesanatos Suedy disse...

ola adoramos seu blog e estamos seguindo-o para ficarmos sempre sabendo de suas novidades e estamos te convidando para visitar os nossos www.atelierdeartesanatos.blogspot.com www.atelierdeunhasjosye.blogspot.com e www.josyeartes.blogspot.com
um abração
Josye e Suedy

Jacque disse...

Você nem vai mais ouvir as minhas musiquinhas rs...

Beijo.

jacque

Faniquito disse...

Oii Cauê !!!

Menino (sim, vc tem a idade da minha filha) além de um texto com uma profundidade de reflexão que me espanta ... precisava encerrar com essa música lindaaaa?!? Me emocionei demais.

Ao longo da vida nossas videiras são podadas e isso sempre ocorre para nosso crescimento ...por mais que doa.E eu sei que as maiores dificuldades que enfrentamos é a perda daqueles que amamos.Mas a esperança da vida eterna revigora ...como mostra bem essa música.

Ameiii a sua sugestão de "deletar os arquivos pesados" aqueles sentimentos nada agradáveis e que nós seres limitados temos...showww!!!


BOm final de semana

Beijinhos

Ana

\o/ Cauê....arrasou \o/

Edayne Oliveira disse...

Oi Cauê!

Quanto tempo, não? Como vão as coisas?
Que chato isso que aconteceu, mas como você disse: vamos tocar a vida pra frente, viver e escrever novas histórias e momentos!
Se esse tipo de coisa acontecesse comigo alguns anos atrás eu ficaria em pânico e me martirizaria sem dó nem piedade, rsrsrs, mas nos dias de hoje a minha reação seria totalmente diferente! Aprendi a não lamentar e nem sofrer pelo que não tem jeito. Vivo um dia de cada vez, pois a única garantia que tenho é o momento presente. É como aquela velha frase diz: "não deixe pra fazer amanhã o que pode ser feito hoje"... rsrsrs
Quando é que você vai escrever um livro, hein??? rsrsrs. Jeito você leva, pois sabe escrever com o coração e com a alma!

Um abençoado fim de semana pra você!
Beijos

CROCHET DA HELOISA disse...

Olá Cauê

Ha quanto tempo que eu nao te vejo...Na verdade eu estive ausente por um longo tempo pois fiquei doente, internada, remedio errado receitado pelo meu medico,quase morri... ninguem quis assumir e coisa e tal. Mas....tudo está passando..nem falo mais sobre o assunto... e o ano para mim está começando agora...em maio.Li seu artigo e achei otimo..parabéns...O que não tem solução....solucionado está...Pra que ficar relembrando coisas desagradaveis se temos muito mais coisas maravilhosas no livro de nossas vidas...???Bjs Heloisa Helena

Olívia Freire disse...

Olá Cauê,
Lamento esta tua perda....o ano passado tb perdi fotos que considerava muito importantes do crescimento dos meus filhotes, tipo Natal, carnaval, férias...mas superei essa perda, pois as minhas memórias e os meus filhos ainda cá estão bem presentes!
Bj e bom fim de semana.

amo artesanato disse...

Querido Cauê, sei que aqui não é lugar de testamento mas... vou tentar ser breve.
Sobre seu texto, aconteceu o mesmo com meu filho, ele é arquiteto e tinha no seu pc todos os projetos de casa de anos, e nós avisavamos copia num pen drive,num cd, mas ele ia adiando, o que aconteceu, veio um virus e arrasou o pc dele, danificou tudinho, ele quase ficou louco, ficou noites e noites sem dormir tentou de tudo e não recuperou quase nada.
Ele ainda não se conforma, mas fazer o que.
E saber que é o ganha pão dele, que tristeza.
Tudo isso para dizer que sempre tem alguém na mesma situação da gente. Assim deve ser um sinal para saber que nós tenho sempre que recomeçar, com qualque perda em nossas vidas.
Ergue a cabeça e recomeça, estaremos aqui para te acompanhar.

Beijos

Maria Helena

nela disse...

Ola Cauê como esta?

Espero que bem, muito obrigado pela sua visita ao meu cantinho é sempre uma alegria receber os amigos...Fiquei muito feliz por ter gostado das minhas sugestões, esses graficos são de velhas revistas que eu tenho coleccionado durante muitos anos e agora como ja nao posso fazer muito croche resolvi partilhar com quem gosta destes trabalhos, é uma herança que deixo eheh...Assim nao ficam aqui perdidas dentro do caixote...O Cauê tambem esta de parabens gosto muito do seu cantinho.
Desejo-lhe tudo de bom, um feliz fim de semana, um bj .

Nela

Rehaab Mabrouk disse...

Cauê, grande Cauê...

Que mais posso dizer depois de ler algo assim, apenas agradecer as palavras que vieram no momento exato da busca por tranquilidade e efm meio a inquietação. Como você mesmo escreveu:

"Aprendi que aquilo que é feito com dificuldade, nos torna mais fortes, mais capazes, mais experientes e preparados."

Mais uma vez agradeço pelos ensinamentos e desejo a você tudo de melhor que Deus puder lhe dar...

Salam e um grande abraço,
Rehaab Mabrouk

Carla Roberta disse...

Oi Cauê, que desabafo, e que lição hein?!
Obrigada pelas palavras, e pela visita que me deixa muito feliz (não são só palavras)Também torço pela tua felicidade, você é especial, ungido e tem que ser feliz!
Um beijo da sua amiga católica
Carla Roberta
*-*

GildArte disse...

OI CAUÊ! SOU MANTEIGA DERRETIDA,ME EMOCIONEI COM O TEU TEXTO,POIS JÁ TIVE PERDAS IRREPARÁVEIS DE PESSOAS.SINTO MUITO TER PEDIDO TUAS COISAS. TAMBÉM JÁ ME ACONTECEU ISSO ,E ESSAS COISAS QUE ARQUIVAMOS FAZEM MESMO PARTE DA GENTE.MAS TEMOS QUE TOCAR E FAZER COISAS NOVAS.TE DEIXO UMA DICA:DE VEZ EM QUANDO SALVA TUDO EM UM DVD.APRENDI A LIÇÃO.
BOM DOMINGO PRA TI.

UM BEIJO.

GILDA LOPES.

chayito disse...

Holagracias por tu visita y tus palabras, son de gran motivación para mi....he visto tu blog y al tb tienes cosas muy lindas., la última cena tejida me encanto...espero hacerla algún día...un abrazo a la distanci...cuidate

APRENDIZ DE CROCHE ROSANA MATEUS disse...

Oi,
Li seu comentario no site Ronilda Croche, fiquei curiosa e vim te visitar, emocionei. Estou passando por este momento de perdas. Estou esperando o que Deus tem reservado para mim, não sei quando vai chegar ... Enquanto esperava o seu site abrir estava vendo o site da mirian crochet , temos em comum: gosto muito das duas. Ja tinha te visitado antes, acho curioso vc fazer croche, aqui em minas nao e comum. Continue superando... Rosana

Ivania Artesanatos disse...

OI Cauê. Estou emocionada com seu texto, muito lindo e concordo com você. O que está no nosso coração nunca será esquecido, lembranças boas sempre serão guardadas.
Vim agradeçer oseu comentario no meu blog. desculpa a demora em respondero seu recado.
Tenha uma linda semana.
"A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos." (Charles Chaplin)

Abraços
Ivania

isa - artemanha de crochê disse...

puxa, Caue, não há nada que eu diga (escreva) que expresse realmente meu sentimento diante de um texto tão profundo e maravilhoso...adorei lê-lo, só posso dizer isso...abração

Kátia Moreira disse...

Querido Cauê,
Muito obrigada pela visita.
Fiquei muito emocionada com seus dizeres lá no blog.
Seus trabalhos são lindos, suas mensgens maravilhosas.
Desejo de todo coração que você tenha sucesso sempre em sua vida.
Continue acreditando que DEUS sempre estará do seu lado abrindo portas.
Peço a DEUS que te cubra com seu Manto Sagrado.
Beijos!

Suely Criações Artesanais disse...

Oi meu querido amigo:
Não sei se você já ouviu a música A Lenda de Oswaldo Montenegro?
Se não recomendo que ouça,pois foi a ela que me reportei ao ler mais um de seus preciosos escritos.
Podemos perder de várias maneiras nossas lembranças,por problemas de saúde,por que não queremos lembrar ou ainda perdermos a imagem que não foi salva na memoria do pc.
Eu tive a felicidade de conviver com meu querido avó que no final da vida tinha fragmentos de memória, apenas.
Mas quanto aprendizado ele me passou...
Quando falava com seus antepassados já falecidos,de certa forma ele me permitia tocar naquele passado que era só dele,eu me transportava para aquele contexto da fazenda antiga e conseguia extrair dali emoções e vivências fantásticas...
Fiquei pensando entâo,nas pessoas que por um acidente ,ou Auzeimer,vâo se afastando da realidade e ai inúmeros rostos conhecidos se desenharam em minha mente e sabe o que conclui?
Todos eles de meu avó ,ao ator Gerson Brener,a uma Stela,que um dia cismou em ficar a beira de uma estrada, por horas, esperando por um amor que ela havia renunciado no passado,e que agora 70 anos depois,traida e, ou acariciada, pelas lembranças ,ela acreditava que ele viria busca-la ,ali naquele ponto da estrada....
É meu amigo, eu sei que em todos os casos,os que narrei aqui e os que prefiro apenas lembrar, o que existe de certo é que eles, estes reais personagens de minha vida,em suas memorias fragmentadas e sem nexo,todos tinham um sorriso no rosto que ninguem conseguiu empanar,sufocar ou apagar...
Depois de tudo isto só elevo a Deus um agradecimento infinito,por tem me permitido experenciar tanta riqueza e se puder fazer um pedido só quero Senhor que se algum dia minha memoria se for ,eu tenha sempre a certeza de que o Senhor Meu Deus estará comigo ,assim sei que vou conservar aquele sorriso lindo que vi sempre espelhado nestes rostos sem memoria,mas tão amados.
E quem estiver ao meu lado,parente ou desconhecido, possa extrair deste sorriso toda beleza de uma vida que procurei viver da melhor forma que pude ,eu sei que eles sorriam porque tinham a ceteza de não estarem sozinhos,por mais que a realidade mostrasse o contrário ,eles sabiam e eu sei que o Senhor estava com eles.
Desculpe amigo se me alonguei demais,mas você é responsável por nos trazer sábios e belos questionamentos.
Com carinho:
Suely

Rita de Cassia disse...

Cauê, a medida que lia o texto, aliás, um ótimo texto! Ia me imaginando na mesma situação... horrível! mas muitas vezes necessária. É necessário "treinar" o despendimento. Temos que estar sempre prontos para mudanças, as vezes bem radicais. Estar prontos para as perdas, que nos preparam também para o amadurecimento, o crescimento. Afinal, nada é por acaso e tudo tem uma razão de ser.
Gostei muito de sua visita. Volte sempre.
bjs

Karen disse...

oi Cauê !
Menino, adoro o que vc escreve ...
Há um tempo atrás passei por uma situação parecida com a sua, só que foi um vírus que atacou a minha pen drive e lá se foram arquivos, fotos, receitas de crochê e etc.
Mas não parei pra pensar nisso tudo que vc escreveu, e que é verdade !!
Realmente, temos que aproveitar cada minuto na nossa vida pq não vamos recupera-lo nunca !!! CARPE DIEM !!

Um beijo !

Débora disse...

Olá!
Vim conhecer seu blog, e adorei...virei sua seguidora, e levei o link para voltar sempre...um ótimo restinho de semana!

Valéria disse...

Ola Cauê.
Passei aqui achando simplesmente que ia desejar um lindo final de semana e qual não foi minha surpresa quando me deparei com seu texto e toda essa experiencia.
Neste exato momento, meu arquivo não foi apagado, mas, eu sai e quando voltei o pc não estava mais no mesmo lugar (sentido figurado.
Preciso aprender qual o melhor lugar para posicionar meus arquivos, o que devo deletar, o que deve ser guardado e gravado para não perder. É uma experiencia incrivel, descobri que meu pc fazcoisas que eu achava que nem existia mais.
O que posso observar com isso?
Que Jesus é Lindo, que nos surpreende, que Seu aprendizado é algo incomparavel.
Querido, obrigada pela reflexão e de qualquer forma, que seu final de semana seja especial.
Beijinhos.

Ivete disse...

Olá amigo...
Vim fazer uma visitinha...
Muito legal este texto..
Tenha um otimo dia..
Abraços..
Ivete..

Mirian disse...

Oi Cauê!!!!!!!!!
Hora de renovação!
Bjos!!!

guida disse...

Cauê,
Sinto muito pela sua perda, e por muito que a gente diga q são apenas fotos, são apenas memórias, são bocadinhos da gente.
Podemos até não lhes mexer durante muito tempo, mas sabemos q estão lá, q quando sentirmos necessidade vamos lá...
Olhe eu tive um pequeno episódio semelhante q foi com o telemovel, tudo o que era contacto, aniversário, datas importantes, mensagens lindas.. tudo o q podia guardava lá. Não sabia q estava a guardar na memoria do telefone e não no cartão. O telefone avariou, sem conserto e eu perdi tudo. Mas eu chorei mesmo.
Aos poucos vou conseguindo recuperar alguma coisa, outras não.
Tenha um resto de bom fim de semana.
Um beijo enorme «ª_ª»

Hilda disse...

Te contar, viu...
Difícil é não ficar viciada nos teus posts. Choro, rio lembro de coisas. Mas estou sempre aqui lendo.
Tem um mimo no meu blog pra você acho que a mais de uma semana. Acontece que eu indiquei as pessoas e esqueci de avisar na minha correria de sempre (foi mal...) Passe lá ok. Um abraço enooorme e continue nos ensinando essas lições preciosas.

Anônimo disse...

Ola,cauê!!visitando o maravilhoso mundo do croche na rede,vi seu blog.Rapaz eu CHOQUEI,to ROSA CHICLETE,é tudo muito,muitissimo lindo.Parabens pelos trabalhos,pelos pensamentos e nossa...que essa alma linda que vc tem seja eterna!Abracos,geane (RJ)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...